Reciclagem de EPS


RECICLAGEM INDUSTRIAL DE POLIESTIRENO (EPS)

poliestireno expandido é um termoplástico com a característica de ter apenas 2% de plástico e 98% de ar. Esta qualidade faz com que seja muito interessante para múltiplas aplicações:

  • O setor dos empacotamentos permite proteger produtos sem necessidade de incrementar o peso bruto dos seus produtos.
  • As suas propriedades isolantes facilitam o transporte de produtos que requeiram frio como o peixe, e também em projetos de construção focados a melhorar o conforto em casa.
  • Também é fácil de mecanizar permitindo criar placas, abobadilhas, cilindros, figuras, cenografias…

Apesar de ser inócuo para o ser humano e inerte em contacto com a água ou o ar, o poliestireno expandido pode demorar mais de 1000 anos em degradar-se, com o consequente problema ambiental que isso comporta na sua acumulação.

Ao tratar-se de um plástico muito leve e volumoso, uma má gestão do resíduo a nível industrial/municipal, provoca importantes custos logísticos e altas taxas de lixeira àqueles que o geram

 

reciclado1

reciclado3reciclado2

Ao reciclá-lo, são evitados estes custos, e é reduzida a necessidade de refinar poliestireno virgem para a criação de novos produtos. Reciclando 1 Tm de EPS, é evitada a emissão de 2 Tm de CO2 para a atmosfera todos os anos, isso equivale aproximadamente ao CO2 que filtram 40 árvores em um ano. Com milhares de toneladas recicladas anualmente. Na Traxpo estamos orgulhosos de contribuir para a redução das emissões de CO2 para a atmosfera.

Com o correto tratamento e processamento do poliestireno expandido, é possível não só mitigar estes custos, mas também obter uma receita extraordinária para as empresas que geram ou gerem este resíduo.